DESTAQUES

Filme: Os Mercenários - Depois de Assistir

Passou da hora de fazer um breve comentário sobre The Expendables (em português, Os Mercenários)! Isso mesmo!!! Já fomos ver há um tempinho, mas até hoje não cheguei a comentar sobre esse filme tão macho e tão cheio de testosterona.
.



Pois bem, fomos ver o filme numa segunda-feira pobre do Cinemark (R$4,00 meia entrada) com direito à pipoca amanteigadíssima. Fui esperando um filme sem um grande roteiro, simplesmente com muita explosão, tiros, matança, sangue, piadinhas no meio das matanças, e etc. E adivinha o que nós vimos??? Exatamente isso!!!







Os Mercenários é aquele filme que você vê quando tá puto da vida, estressado e simplesmente quer que todo mundo se exploda! E vendo um filme justamente sobre isso, você vai satisfazer grande parte de sua vontade.


Algumas pessoas que conheço não gostaram, falaram que existem filmes que tem tudo isso e tem um roteiro bacana, mas acho que a proposta de Stallone foi justamente essa: sem frescura, sem nada, apenas sangue e piadinhas masculinas sem conteúdo, mas que são bem engraçadas.







“O filme conta a história de um grupo de mercenários, que são contratados para uma missão bem complicada: serão enviados a um país da América do Sul para se infiltrar e lutar contra o ditador do país, para libertar a população local. Em comum, esse grupo possui a tatuagem ‘expendable’ (uma caveira com um corvo em cima), além do pensamento comum de não dar valor a nada, e não serem leais a ninguém, a não ser aos próprios ‘expendables’.”


Os mercenários principais são Barney Ross (Sylvester Stallone) e Lee Christmas (Jason Statham), mas o grupo conta com a presença dos homenzarrões, que não são menos importantes, Toll Road (Randy Couture), Hale Caesar (Terry Crews – que protagoniza uma das cenas mais engraçadas que já vi) e Gunnar (Dolph Lundgren), além de Ying Yang (Jet Li). Depois da saída de Gunnar da equipe, o time recebe a missão de derrubar tal ditador que falei acima, General Garza (David Zayas), na ilha latinoamericana de Vilena, e o resto é nitroglicerina pura.







Mas de certa forma, o filme tem um coração. O querer aceitar a missão sendo ela quase impossível devido ao sentimento com relação a uma mulher e a admiração pelo amor dela à sua terra é perceptível.







Um último comentário sobre o filme que tenho a fazer é que achamos o inglês da Giselle Itié um pouco esquisitinho. Num sei se foi pela tentativa de fazer um sotaque latino ou algo do tipo.








Por fim, recomendo sim o filme, mas só pra você, que é macho de verdade. Ou pra você mulher, que apesar de num ser macho de verdade, também tem o seu momento macho e também tem vontade de explodir e bater em everybody de vez em quando.





Quer saber mais sobre o filme (dados técnicos como elenco, direção e outros)? Acesse o post: Próxima sessão: Os Mercenários (The Expendables) que foi postado antes de assistirmos o filme.




Postado por Sofia

2 Comentário para Filme: Os Mercenários - Depois de Assistir

13 de setembro de 2010 08:07

Eu assisti Os Mercenários e minha opinião: Um ótimo filme pipoca.
Não tem uma grande história e nem um grande roteiro, mas pelos atores e pelas cenas de ação, vale MUITO a pena assistir.

16 de setembro de 2010 11:22

Exatamente isso o que acho também Eduardo: um filme PIPOCA, que vale muito a pena assistir!


BETO